Laboratório de Qualidade do Ar e Emissões Atmosféricas

O Laboratório de Qualidade do Ar e Emissões Atmosféricas do Lactec tem como objetivo atender as necessidades ambientais do mercado no controle e preservação da qualidade do ar.

O monitoramento da qualidade do ar permite o acompanhamento de tendências e mudanças na qualidade do ar, resultantes de alterações atmosféricas e do nível de emissão dos poluentes. Em parceria com empresas e órgãos ambientais, o laboratório atua na operação de estações automáticas de monitoramento da qualidade do ar e na avaliação continua dos dados obtidos em relação aos padrões estabelecidos na Resolução CONAMA n° 03/1990. Atua também nos serviços de operação, manutenção e calibração de analisadores contínuos utilizados no monitoramento da qualidade do ar no entorno de empreendimentos, emitindo relatórios de diagnóstico.

No monitoramento das emissões atmosféricas provenientes de fontes estacionárias, o laboratório dispõe de infraestrutura para a avaliação das emissões geradas em processos industriais, como gases provenientes de processos de combustão (CO, O2, NOx, SO2 e CO2)e compostos orgânicos voláteis. Esse esforço técnico é de grande importância para as indústrias, em especial, pois o monitoramento das emissões atmosféricas em dutos e chaminés permite avaliar a conformidade dos processos industriais com a legislação ambiental vigente, assim como, a eficiência energética do processo, visando a otimização.

ENSAIOS REALIZADOS

Monitoramento em tempo real da qualidade do ar em ambientes externos

O monitoramento da qualidade do ar tem como objetivo a quantificação de poluentes atmosféricos, bem como a avaliação da qualidade do ar em relação aos limites estabelecidos na Resolução CONAMA Nº 03/1990.

Parâmetros Químicos

  • SO2 – Dióxido de Enxofre
  • NO – Monóxido de Nitrogênio
  • NO2 – Dióxido de Nitrogênio
  • O3 – Ozônio
  • CO – Monóxido de Carbono
  • MPTS – Material Particulado Total em Suspensão
  • PM10 – Partículas Inaláveis
  • Hidrocarbonetos Totais

Parâmetros Meteorológicos

  • Direção e Velocidade do Vento
  • Temperatura
  • Umidade Relativa do Ar
  • Pressão Atmosférica
  • Radiação Solar Global
  • Precipitação Pluviométrica

Emissões Atmosféricas

O Laboratório de Qualidade do Ar e Emissões Atmosféricas do Lactec é acreditado pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) para a realização de ensaios de emissões atmosféricas, nas classes de ensaios químicos, atendendo as normas da EMC, ASTM, US EPA e Cetesb; e de ensaios mecânicos, em atendimento a normas da Cetesb e da ABNT.

Ensaios químicos

  • Determinação de óxidos de nitrogênio (NOx) em fontes estacionárias por célula eletroquímica;
  • Determinação de oxigênio (O2) em fontes estacionárias por célula eletroquímica;
  • Determinação de monóxido de carbono (CO) em fontes estacionárias por célula eletroquímica;
  • Determinação de dióxido de enxofre (SO2) em fontes estacionárias por célula eletroquímica;
  • Determinação de dióxido de carbono (CO2) em fontes estacionárias por infravermelho;
  • Determinação de massa molecular seca do fluxo gasoso de fontes estacionárias;
  • Determinação da umidade de efluentes gasosos de fontes estacionárias;
  • Determinação de compostos orgânicos voláteis por ionização de chama em dutos e chaminés de fontes estacionárias.

Ensaios mecânicos

  • Determinação de pontos de amostragem em dutos e chaminés de fontes estacionárias;
  • Determinação da velocidade e vazão dos gases em dutos e chaminés de fontes estacionárias.

Além disso, o Laboratório de Qualidade do Ar e Emissões Atmosféricas do Lactec está apto e certificado pelo Instituto Ambiental do Paraná – IAP, através do Certificado de Cadastramento de Laboratórios (IAP CCL 059) a realizar as análises de emissões atmosféricas, contemplando os parâmetros CO, O2, SO2 e NOx em fontes estacionárias por célula eletroquímica e para a determinação quantitativa de material particulado total em suspensão (MPTS) e partículas inaláveis (MP10) no ar ambiente, de acordo com a norma ABNT NBR 9547:1997, utilizando amostrador de grande volume.

ESTUDOS E PROJETOS

 

  • Operação e manutenção de redes de monitoramento da qualidade do ar;
  • Projeto e dimensionamento de redes de monitoramento da qualidade do ar;
  • Desenvolvimento de sistemas de transmissão e aquisição de dados;
  • Manutenções e calibrações de analisadores de estações de monitoramento da qualidade do ar;
  • Estudos e diagnósticos de impacto na qualidade do ar de ambientes externos;
  • Enquadramento de fontes de emissões atmosféricas (Resolução Nº 016/14 – SEMA-PR);
  • Monitoramento em dutos e chaminés de fontes estacionárias;
  • Avaliação da eficiência de processos de combustão;
  • Inventário de fontes emissoras de poluentes atmosféricos, incluindo fontes estacionárias e fontes móveis, pontuais e difusas, com controle de qualidade de dados, considerando os poluentes regulados e/ou relevantes ou característicos do empreendimento e da região, tais como óxidos de nitrogênio (NOx), dióxido de enxofre (SO2), monóxido de carbono (CO), compostos orgânicos voláteis, névoas ácidas, material particulado total (MPT), metais pesados, entre outros. Os inventários são desenvolvidos segundo protocolos reconhecidos internacionalmente, baseados em medições diretas ou indiretas, fatores de emissão, cálculos estequiométricos, balanço de massa, dentre outras técnicas.

 

CRL 0089 LACTEC

* Alguns de seus ensaios possuem
acreditação pela Coordenação Geral
de Acreditação do Inmetro (Cgcre).
O escopo completo dos ensaios
acreditados pode ser encontrado no
link www.inmetro.gov.br/laboratorios/rble.

 

Em caso de dúvidas, envie um e-mail para comercial@lactec.org.br ou solicite uma proposta.

·         Avaliação em tempo real da qualidade do ar;

·         Operação e manutenção de redes de monitoramento da qualidade do ar;

·         Projeto e dimensionamento de redes de monitoramento da qualidade do ar;

·         Desenvolvimento de sistemas de transmissão e aquisição de dados;

·         Manutenções e calibrações de analisadores de estações de monitoramento da qualidade do ar;

·         Estudos e diagnósticos de impacto na qualidade do ar de ambientes externos;

·         Enquadramento de fontes de emissões atmosféricas (Resolução Nº 016/14 – SEMA-PR);

·         Monitoramento em dutos e chaminés de fontes estacionárias;

·         Avaliação da eficiência de processos de combustão;

·         Inventário de fontes emissoras de poluentes atmosféricos, incluindo fontes estacionárias e fontes móveis, pontuais e difusas, com controle de qualidade de dados, considerando os poluentes regulados e/ou relevantes ou característicos do empreendimento e da região, tais como óxidos de nitrogênio (NOx), dióxido de enxofre (SO2), monóxido de carbono (CO), compostos orgânicos voláteis, névoas ácidas, material particulado total (MPT), metais pesados, entre outros. Os inventários são desenvolvidos segundo protocolos reconhecidos internacionalmente, baseados em medições diretas ou indiretas, fatores de emissão, cálculos estequiométricos, balanço de massa, dentre outras técnicas;